Todos os posts sobre Lifestyle

postando em 10 de julho de 2017

Oi gente, tudo bem? Como foi o final de semana de vocês? Nos últimos dias aconteceram algumas coisas legais por aqui pintei o cabelo, fiz um corte novo (ele estava igual a bastante tempo – 3 anos), meu guarda-roupa ficou mais organizado assim como o home office, tenho um novo tapete para ser fundo das minhas fotos (ele é lindo e bem fofinho ) acho que essas são algumas novidades. E para quem estava aguardando hoje venho compartilhar a segunda parte do desafio 30 dias de Minimalismo.

Muitas pessoas acreditam que optar por uma vida mais minimalista é algo impossível e muito distante da nossa realidade, que deve-se viver apenas com duas calças jeans, dois pares de sapatos, etc. Pelo contrário, esse estilo de vida tem como ideia principal viver com aquilo que é essencial, realmente necessário. As pessoas são diferentes então o que é essencial pra mim pode não ser pra você e vice-versa. Eu por exemplo não uso salto alto então não vejo necessidade de comprar, tenho alguns pares somente para ocasiões especiais como casamento, formatura, etc.

Minimalismo

Por outro lado, meu estilo de vestir é bem básico calça jeans, camiseta e tênis, então tenho diversas blusinhas. Se eu comprar qualquer um desses itens serão usados diariamente. Durante esse desafio aprendi a separar aquilo que realmente uso, o que compro somente por “segurança” (falarei disso em outro post), o que compro por impulso (isso mudou bastante), e aquilo que está na moda. Quer saber o que mais aconteceu? É só acompanhar o post 🙂

16. Não compre nada por 24 horas

Apesar de ser mulher e adorar compras não sou uma pessoa consumista. É difícil de acreditar, mas é verdade. O desafio era 24 horas mas fiquei quase um mês sem comprar nada. Minha única compra foi um tapete para usar como fundo para minhas fotos.

17. Realize uma tarefa de cada vez

Isso foi um tanto difícil principalmente porque minha mente não para de pensar um segundo. Para conseguir ser mais produtiva e dar conta de tudo criei o hábito de anotar as tarefas do dia numa agenda e riscar quando tivesse concluído. Além disso coloco em ordem de prioridade (algo que aprendi no curso de Coaching). Quando determinamos prioridade, tempo e o que deve ser feito primeiro, nossa mente se sente mais tranquila e organizada.

18. Limpar os contatos “unfollow” e “unfriend”

Já parou pra pensar quantas pessoas adicionamos ou seguimos nas redes sociais e nem sequer conversamos com elas diariamente? Todos os dias recebo umas dez solicitações de amizade no facebook de pessoas que nunca falaram comigo e mesmo depois de adicionar ela vira fantasma =/ (talvez eu seja o fantasma de alguém rs). Tudo o que fazemos em nossas vidas deve ter um propósito, por isso devemos nos cercar de pessoas que nos acrescente coisas boas, que nos impulsione, que haja troca de energias positivas.

19. Saia para uma caminhada e exercite sua consciência

A correria do dia a dia muitas vezes coopera pra que façamos tudo no modo automático. Trabalhamos, comemos, falamos com as pessoas e quando chega no final de semana nem lembramos o que comemos. Isso está longe de ser uma vida consciente. Quando caminhamos seja ouvindo música ou em silêncio prestamos mais atenção a tudo que nos rodeia, os sons, as pessoas, o clima, isso nos faz ter mais consciência do mundo e de nós mesmos.

20. Não assista TV por um dia (leia, ao invés disso)

Apesar de ser viciada em séries ficar sem assistir TV se tornou mais fácil quando substituí por outras atividades como praticar exercícios, arrumar a casa, limpar a estante de livros e colocá-los em ordem, e claro ler um bom livro. Isso me ajudou a organizar mais o tempo e dividi-lo de forma que consigo fazer tudo que preciso sem atropelar nada.

21. Escreva por 20 minutos

Sou daquelas pessoas que costumam escrever quando estão inspiradas, quando tem algo de bom para oferecer aos outros. Mesmo assim decidi sentar e escrever sobre um assunto que tenho visto bastante nos grupos do facebook. Foram mais de 20 minutos mas o tempo valeu a pena. É bom sentar para escrever e colocar no papel o que sentimos, pensamos, escrever nos faz ter mais contato com a pessoa que realmente somos. Isso nos faz bem.

22. Crie uma rotina relaxante para a hora de dormir

Na primeira parte do desafio comentei que tinha muita insônia e dificuldade pra dormir cedo, geralmente vou dormir 3/4 horas da manhã. Com o desafio tentei inserir alguns hábitos como tomar banho quente umas 23h e ler um livro já na cama. Consegui fazer três dias seguidos e realmente resolveu meu problema de insônia. Porém quando tenho muitas coisas pra estudar acabo não fazendo essa rotina.

23. Saia sem maquiagem

Não sou a pessoa mais vaidosa do mundo então sair sem maquiagem é bem tranquilo. Geralmente uso protetor solar e gloss só. Somente quando tem eventos que uso maquiagem mais elaborada rs

24. Pratique gratidão

Estava conversando com alguém um dia desses e ela me disse “é tão mais fácil reclamar”. Fiquei pensando nessa frase vários dias. Porque é tão mais fácil? Porque ao invés de olhar o que nos falta, sermos gratos pelo que temos? Por mais um dia que amanhece, pela nossa saúde, família, amigos, pessoas que amamos, e por todas as bênçãos que recebemos diariamente? Quando paramos de reclamar e vemos as coisas boas temos a sensação que elas se multiplicam. Quanto mais agradecidos pelo que temos mais o universo nos presenteia com outras melhores ainda. Vale a pena experimentar!

25. Não planeje nada para esse dia

Quando temos diversas coisas pra fazer, além de trabalhar, estudar, dar atenção à família, etc.; é difícil passar o dia sem seguir a agenda. O bom de deixar o dia correr de forma mais tranquila é que realizamos as tarefas conforme temos tempo e não nos cobramos muito. Realizamos o que está dentro de nossa capacidade, isso evita frustração. O que acontece muitas vezes é que determinamos 20 tarefas se ao final do dia fizemos somente 3 itens isso será motivo de chateação. Isso nos leva ao autoconhecimento, primeiro iremos colocar na lista aquilo que daremos conta, segundo nossos dias renderão mais.

26. Identifique o que te causa stress

Quem me conhece pessoalmente sabe que sou bem tranquila e demora muito para perder a calma. Quando começamos a nos “policiar” fica mais nítido o que nos deixa chateados. Uma das coisas são as notificações das redes sociais. Já parou pra pensar em quantas vezes paramos o que estamos fazendo pra ver o que postaram? Nem sempre é importante e ao longo do dia nos rouba um tempo precioso.

27. Limpe a sua “gaveta da bagunça”

Vamos por partes rs Aqui em casa tem diversas “gavetas” no home office, na sala, no quarto e até na cozinha. Limpar todas não é uma tarefa fácil. Até agora consegui limpar e organizar uma delas \o/ Apesar do desafio ter acabado essas atitudes podem continuar fazendo parte do nosso dia a dia. Já estou me planejando para limpar as outras gavetas.

28. Abandone uma meta

Algumas pessoas acharão esse item engraçado ainda mais pela pressão da mídia. Você já quis ter um feed organizado no insta? Pois é, eu tinha essa meta. Seguir um padrão de cores, ter harmonia de filtros, mas acabei descobrindo que postar do meu jeito mostra muito mais minha personalidade. Então deixei essa meta de lado.

29. Desligue as notificações

Como falei no item 26 as redes sociais nos roubam muito tempo. O que fiz? Desativei o som de todos os grupos no whats, assim como grupos no facebook e notificações do instagram. Fiquei muito mais tranquila sem aquele som me chamando o dia inteiro. Acreditam que consegui ficar 5 dicas sem olhar snaps? Fiquei uns 4 sem postar no instagram, só não consegui ficar longe muito tempo do facebook rs Ficar longe das redes sociais nos deixa mais produtivos.

30. Avalie suas últimas compras

Por último mas não menos importante avaliar minhas comprinhas. Como disse lá em cima em junho comprei um tapete para minhas fotos e agora em julho uma blusinha e calcinha (estava realmente precisando). Apesar de buscar uma vida mais minimalista nesses dois últimos meses, meu pensamento de compra consciente vem desde o ano passado. Sou acumuladora porém não consumista rs

Bom pessoal esse post ficou imenso mas quis compartilhar certinho todo o desafio com vocês. Muitas pessoas me enviaram e-mails com dúvidas como “o que é minimalismo”?; “minimalismo é usar roupas p&b”?; e outras pensavam que minimalismo era ter um blog clean. Prometo que em breve farei um post com todas as respostas.

Espero que tenham gostado de fazer parte dessa experiência. Mesmo o desafio tendo acabado continuarei com algumas dessas práticas no dia a dia principalmente o ritual para dormir melhor e mais cedo 🙂 Leia também a primeira parte do desafio 30 dias de minimalismo. Tem alguma dúvida sobre o Minimalismo? É só deixar nos comentários 😉

Beijos
Érika

Acompanhe também nas redes sociais:
Facebook ♥ Instagram ♥ Twitter ♥ Flickr ♥ G+

Érika Monteiro
Post escrito por Érika Monteiro

Estudante de Administração, fotógrafa nas horas vagas. Tem como hobby assistir séries, filmes, ir ao cinema e ouvir música sertaneja. Tem um amor incondicional por flores.
postando em 26 de junho de 2017

Oi gente, tudo bem? No início de junho trouxe aqui para o blog o Desafio 30 dias de minimalismo, o desafio traz uma atividade para cada dia do mês e ao final você mostra o resultado. Para o post ficar mais fácil de ler dividi em duas partes, hoje vou mostrar as atividades do dia 1 ao 15.

Pra quem chegou agora e está se perguntando o que é Minimalismo, não se preocupe vou explicar de uma maneira bem fácil. Minimalismo é um estilo de vida, no qual tentamos viver com aquelas coisas que realmente importam, fazem sentido e deixa nosso dia mais prático.

Por exemplo, porque ter o guarda-roupa cheio de peças sem usar, que não combinam entre si ou com nosso estilo, ou ainda que nos deixa presos ao passado? Muito melhor ter somente aquelas roupas que nos faz feliz, nos faz sentir confortáveis e mostra para o mundo quem somos de verdade, concordam?

Esse pensamento pode ser aplicado em todas as áreas da nossa vida, nas redes sociais, nos sentimentos, até mesmo nas amizades (se afastando daquelas que nada agregam à nossa vida). É buscar levar uma vida mais leve sem tanta bagagem emocional ou física. Quando reorganizamos nossas vidas conseguimos perceber o que realmente importa, o que realmente nos faz bem. Foi por esse motivo que comecei a colocar tudo em ordem aqui em casa.

Minimalismo

1. Fique offline por um dia

Para algumas pessoas é difícil ficar um dia offline ainda mais quando trabalhamos com isso. Ficar longe do computador foi menos complicado que do celular. Ainda mais pelas notificações do whats, vídeos do snap e atualizações do instagram. Peguei o celular somente 2 vezes rs.

2. Medite por 15 minutos

Desde que conheci o Gabriel Goffi aprendi o quanto é importante meditar, estarmos em contato com quem somos, ouvir nossa voz interior e focar somente nas coisas que nos fazem bem. No início é bem difícil porque tentamos nos concentrar, limpar a mente, aí vem um turbilhão de pensamentos. Mas é questão de treino.

3. Destralhe sua vida digital

Essa tarefa é algo que podemos fazer todos os dias. Já percebeu quantas pessoas seguimos nas redes sociais mas faz muito tempo que nem visitamos o perfil ou se ainda existe? Pois é, comecei a limpeza pelo e-mail, criando pastinhas, apagando spam, e tento sempre deixar a caixa de entrada vazia. Depois foi o facebook exclui solicitações de amizade de pessoas que não conheço, sai de grupos sem interação desde 2015, deixei alguns como “especiais” pois são os que mais interajo. Apaguei mensagens do whats, formatei o celular, deixei quase como novo. Ainda falta muito pra fazer mas o primeiro passo já foi dado.

4. Passe o dia inteiro sem reclamar

Esse foi um exercício que exigiu bastante. Mesmo não reclamando o tempo todo as vezes me pegava falando sobre o clima, a demora da fila, ou ter que esperar demais. Serviu para me monitorar mais e cuidar com tudo que falo. Temos tantas coisas para agradecer porque ficar reclamando o tempo todo concordam?

5. Identifique 3 prioridades na sua vida

Definir prioridades exige tempo, atenção e foco. As vezes queremos tudo de uma vez mas não conseguimos realizar nada. Por isso é importante pegar papel e caneta, sentar, e definir o que realmente merece nosso esforço. Uma das minhas prioridades para 2017 é fazer o blog crescer ainda mais e tem dado certo.

Minimalismo

6. Siga um ritual matinal

Não sei vocês mas eu tenho uma certa dificuldade em fazer tudo igual todos os dias rs Um dia tomo café, outro não. Um dia quero usar cabelo preso, no outro vai do jeito que acordar. Cada dia tendo sua própria inspiração. Estou tentando ser organizada e manter uma rotina o mais normal possível.

7. Organize sua lista de leitura

Essa lista está me dando um pouquinho de trabalho. Preciso conciliar as séries, filmes, livros que compro e ainda os que recebo em parceria com as editoras. Haja tempo para ler tantos livros né rs Já consegui colocar no papel a meta para julho vamos ver se consigo ler todos.

8. Aprenda a apreciar a solidão

Sou o tipo de pessoa que perde o foco muito fácil. Se minhas atividades não estiverem todas anotadas acabo desviando a atenção e fazendo outras coisas. Me perco mais ainda se tem pessoas por perto. Então ficar sozinha, manter silêncio, tem me ajudado bastante. Não vejo problema em ficar o dia inteiro em casa lendo um livro ou escrevendo.

9. Diminua sua coleção de produtos de beleza

Uso pouca maquiagem mesmo assim ganho produtos do namorado, da família ou quando participo de promoções do Boticário, QDB?, ou outra loja. Coloquei tudo em cima da cama separei o que realmente uso e o restante vou dar de presente (vários batons ainda estão fechados). Já perceberam que muitas vezes a penteadeira fica cheia e não usamos nem metade? Deixar estragar dá tanta dó concordam? Como diz a Fê Neute temos somente um rosto então porque ter trinta batons? haha

10. Nada de e-mails ou redes sociais até a hora do almoço

Pra quem ficou offline um dia inteiro deixar o computador desligado até a hora do almoço foi mais fácil. Conseguir manter distância nos ajuda a descansar a mente, a pensar com clareza e voltar mais focados. Domingo passado tinha muitas atividades pra fazer, mesmo assim desliguei tudo e fui passear na praia, voltei bem melhor e mais tranquila.

Minimalismo

11. Avalie seus compromissos

Li a seguinte frase um dia “a preocupação é como a cadeira de balanço, te mantém em movimento mas não o leva a lugar nenhum”. Já pensou quantos “compromissos” roubam nosso tempo e nem nos damos conta? Pensamos que são urgentes, desviamos nossa atenção e o que deveria ser feito de verdade fica em segundo plano. É importante rever a agenda, deixar de lado aquilo que rouba nosso tempo e focar somente no que precisa ser feito.

12. Defina suas metas para este ano

Estamos quase em julho meio ano já se passou o que fizemos? Alcançamos nossas metas? As deixamos de lado? Ou estão anotadas num caderno no fundo da gaveta? Pensei bastante nisso e percebi que ainda falta realizar bastante coisa. Reli todos os itens da lista e defini quais eram mais importantes para focar somente neles até dezembro.

13. Limpe seu guarda-roupa

Como falei nesse post tenho certa dificuldade em me desfazer das minhas roupas ainda mais quando fizeram parte de um momento especial. Sempre que vejo no guarda-roupa ou uso aquela peça lembro de um determinado dia, esse sentimento não deixava eu me desfazer das roupas. Estou trabalhando isso e já consegui separar algumas peças para doação o/

14. Comece a aprender algo novo

Quem me acompanha pelo Instagram deve ter visto a prática de Yoga que participei na semana passada. Estou aprendendo Yoga e meditação. Preciso praticar mais meditação as vezes é difícil se desligar do mundo e ficar em silêncio. É preciso esforço e paciência para se encontrar. Exige esforço diário.

15. Examine seus hábitos diários

O dia é bem corrido e as vezes é complicado prestar atenção em cada coisinha que fazemos, maus hábitos, alimentação, procrastinação, parece que fazemos tantas coisas e quando percebemos não rendeu nada. É bom prestar atenção no tempo que levamos para fazer cada tarefa, se é necessário e se nos faz bem. Tenho problema de insônia e durante esse mês decidi fazer algo a respeito como tomar chá, ler, meditar, tudo que possa me ajudar e dormir melhor. Alguns dias consegui pegar no sono 23:30 o que é uma vitória.

Minimalismo

Algo que percebi no guarda-roupa é que prevaleceram peças nas cores branca, cinza, preta e jeans. A vantagem delas é que são muito fáceis de combinar entre si. Enquanto estava arrumando contei 52 peças entre blusinhas, vestidos, saias, short jeans, calça jeans, casacos e roupas de ficar em casa. Ainda tem muito o que melhorar mas o importante é começar concordam?

Juro pensei que o post seria menor mas fiquei tão feliz em compartilhar essa experiência que apenas fui escrevendo. Esse desafio tem me ensinado a ser diferente, ter outras metas, manter tanto a casa quanto o coração em ordem. Quanto mais gavetas organizamos mais sentimos que nossa vida entra nos eixos também.

Me perguntaram se o Desafio era difícil aí pensei “o que é melhor viver numa rotina sem perspectiva ou mudar completamente a direção e buscar realizar coisas diferentes”? Tudo depende do primeiro passo depois é só manter. Espero que estejam gostando de acompanhar os posts sobre Minimalismo. E se tiverem alguma dúvida pode deixar nos comentários tentarei responder nos próximos posts. Tem curiosidade  em fazer o desafio também? 🙂

Um abraço
Érika

Acompanhe também nas redes sociais:
Facebook ♥ Instagram ♥ Twitter ♥ Flickr ♥ G+

Érika Monteiro
Post escrito por Érika Monteiro

Estudante de Administração, fotógrafa nas horas vagas. Tem como hobby assistir séries, filmes, ir ao cinema e ouvir música sertaneja. Tem um amor incondicional por flores.
postando em 1 de junho de 2017

Oi gente, tudo bem? Em maio comecei a buscar livros diferentes para ler além daqueles que são modinha e todo mundo já leu ou quer ler. Encontrei títulos bem interessantes e em breve farei um post indicando quais são eles. Mas por enquanto falarei do livro A mágica da arrumação da Marie Kondo. Comecei ler faz duas semanas e já fiquei com vontade de mudar e organizar muita coisa aqui em casa. O minimalismo é um assunto realmente fascinante.

Depois que conheci o livro comecei a prestar atenção em tudo o que tenho aqui em casa como sapatos, roupas, maquiagem, livros, é engraçado (leia-se curioso) pensar que tenho peças no guarda-roupa que ainda estão com etiqueta. Ficamos esperando perder peso, ganhar peso, uma ocasião especial (essa é minha desculpa para quase tudo rs), ou apenas sentimentalismo (amo guardar coisas por recordação).

Minimalismo

Tenho percebido que todo esse excesso de coisas deixa o ambiente carregado, as vezes até bagunçado, exige mais tempo para limpar e organizar, quando vamos sair ficamos horas escolhendo uma roupa, conforme o lugar onde ficam enche de poeira, envelhecem e ficam esquecidas. Porque manter tanta coisa, acumular, se esquecemos o que compramos não conseguimos usar? É bom manter aquilo que nos faz feliz e nos deixa mais leves.

Nessa vibe minimalista conheci pessoas bem interessantes uma delas é a Fê Neute que mora lá em New York e tem um canal no YT. Ela mostra várias dicas de como começar uma vida minimalista, como manter tudo mais organizado e claro ser feliz. Outra pessoa que já conhecia mas também segue essa vibe é a Ju Goes, vocês conhecem? Baixei o app Zen de meditação e tem sido uma experiência bem legal. Vocês já conhecem o aplicativo ou praticam meditação? No aplicativo você encontra meditações guiadas pela própria Ju 🙂

Na semana passada conheci a Anuscka Rees e o Desafio 30 dias de minimalismo. Achei a ideia incrível. O desafio consiste em realizar uma atividade da lista por dia e ao final do mês contar como foi essa experiência. Como o desafio estava em inglês fiz uma versão em português para ficar mais fácil 😉

Minimalismo

“A vida encolhe ou expande na mesma proporção da sua coragem.”

Pra quem não sabe podemos usar o minimalismo em tudo: na cozinha, no guarda-roupa, no home office, no sótão, na dispensa, nos e-mails, redes sociais, celular, agenda, etc. Todo lugar onde temos a tendência de guardar, entulhar e deixar coisas que não usamos pode ser arrumado, organizado e limpo. Para isso só precisamos dar o primeiro passo. Um outro motivo que me fez decidir mudar ainda mais meu estilo de vida foi ter participado de um evento com o Gabriel Goffi contei tudinho nesse post aqui 🙂

Hoje é o primeiro dia do desafio, mas como tive que postar meu dia off foi ontem 🙂 Espero que gostem e também se animem em fazer. Não deixem de compartilhar com a gente como tem sido o desafio hein Se você quiser baixar a imagem para seguir o desafio certinho todos os dias é só clicar aqui.

Um abraço
Érika

Acompanhe também nas redes sociais:
Facebook  Instagram  Twitter  Flickr  G+

Érika Monteiro
Post escrito por Érika Monteiro

Estudante de Administração, fotógrafa nas horas vagas. Tem como hobby assistir séries, filmes, ir ao cinema e ouvir música sertaneja. Tem um amor incondicional por flores.