Todos os posts sobre Filmes

postando em 8 de maio de 2017

Já notou quantas pessoas entram e saem da sua vida todos os dias? Parou pra pensar em como trata todas elas? As vezes não percebemos mas nossas palavras têm poder e isso pode alegrar ou entristecer alguém. O que nos tornamos hoje pode ser influência direta do que ouvimos quando criança, concorda? Esse é o tema do filme Waiting for ForeverEsperar para sempre – que está disponível lá no Netflix.

Quando era adolescente me apaixonei por um rapaz do 2º ano, ele era meu vizinho – morava na frente de casa – e as vezes era impossível não pensar nele já que o via todos os dias. Sabe aquela história do primeiro amor? Ele passeava comigo de bicicleta, trocávamos músicas e muitas vezes apenas sentávamos na calçada e ficávamos conversando. Cheguei a desejar que esses dias nunca acabassem…

Waiting for Forever

Hoje, alguns anos depois percebo que já não há características daquela menina apaixonada da adolescência, ou o que restou dela está bem escondido devido a tantas coisas que aconteceram ao longo do caminho. Quando fecho meus olhos desejo novamente ser aquela garota que imaginava um mundo cor de rosa – ou azul que é minha cor favorita.

Aquele cara? Se mudou. E eu? Cresci. Mas há pessoas como Will que guardam esse amor por toda a vida e nutrem a esperança de ficar ao lado da pessoa que ama. Quando criança Emma era sua melhor amiga, brincavam no parque, estudavam junto, dividiam segredos, tinham até uma casinha na árvore  Até que aconteceu um acidente com os pais de Will e a vida de ambos muda.

Waiting for Forever

Will vai morar com os tios em outra cidade e percebe que poderá nunca mais ver Emma novamente. Mas devido a algo que Emma sussurra em seu ouvido ele nutre a esperança de que sempre estarão juntos. Logo no início trocam cartas, Will vem visitá-la nas férias, mas Emma cresce, muda de cidade para estudar, muda de novo por causa do trabalho e aquela menina que Will conheceu quando criança deixa de existir.

Ela se sente sufocada pelas exigências da vida adulta, o programa em que trabalha acabou de ser cancelado – se acha um fracasso como atriz, seu namorado quer que se casem e acabou de receber a notícia que seu pai está muito doente – realmente não é um bom período na sua vida. Com tudo isso acontecendo ela decide voltar à cidadezinha onde cresceu. Will fica sabendo disso pelo seu melhor amigo e também decide voltar.

Waiting for Forever

Ele é um artista de rua e para voltar tem um jeitinho todo especial: pedir carona. Já nos primeiros minutos do filme você se emociona quando Will conta sua história de amor ao casal que para pra ele na estrada. O jeito dele contar é tão sensível, impossível não querer fazer parte dessa história.

Você já se mudou de cidade e voltou pra visitá-la muito tempo depois? É comum olhar o que mudou, se a cidade cresceu, se os amiguinhos da escola ainda moram por perto, lembrar das brincadeiras de infância… Sempre que viajo para o Paraná isso acontece, é inevitável não lembrar de quando subia nas árvores e brincava na rua até escurecer.

Will faz a mesma coisa, lembra de todos os momentos ao lado de Emma e fica ansioso por vê-la novamente. Porém… ela está comprometida =/ Ele não consegue abrir seu coração quando se reencontram, mas eles revivendo a antiga amizade no parque, passeando pelas ruas, é como se Will precisa reconquistar sua confiança.

Waiting for Forever

Por mais que o tempo tenha passado os sentimentos estão lá guardadinhos no peito. O que mais chama a atenção é a maneira com que Will tem paciência até Emma estar pronta e sem medo. As vezes a vida nos afasta de pessoas que amamos, mas esse amor não precisa ser esquecido ou apagado. Quando menos esperamos ele vem à tona.

A história é sobre família, amizade, amores, sobre sentimentos sinceros que nutrimos por pessoas que fazem a nossa vida mais feliz, que torna nossos dias mais coloridos. Para aqueles que pensam que é um romance clichê lamento informar não é. Ele surpreende pelas voltas que dá e final imprevisível – pelo menos eu não esperava rs.

Você termina de assistir e sente seu coração tão quente, tão cheio de amor, cheio de recordações, de lembranças de uma outra vida em que sua única preocupação era comer todo o jantar e tirar boas notas ou então brincar sem se machucar rs A fotografia do filme nos remete muito aos anos 80, acredito que esse foi o principal fator que me conquistou. O enredo se desenvolve entre a infância de Will e os dias atuais, porém as imagens dos dois tempos são incríveis. Quem ama fotografia assim como eu vai amar 

Waiting for Forever

Outro detalhe do filme é a participação da nossa eterna “Summer Roberts” da série The O.C., sim a namoradinha do Seth. A atuação dela é carregada de sentimentos, dramas psicológicos e algo que me identifiquei bastante: saudades da infância. Será que somos hoje o que desejamos quando crianças? Será que estamos fazendo o melhor que podemos? Será que somos felizes de verdade ou se pudéssemos mudaríamos tudo?

Assista o trailer

 Melhores quotes

                                   “Já tenho memórias suas que durarão para sempre…”   (Will)

Se eu tivesse um desejo, seria de que a sua vida desse a você o gosto da alegria que você me deu.” (Will)

      “Você lembra… que éramos felizes?”  (Will)

Pelo post é possível perceber o quanto vale a pena, concordam? Você já assistiu? Indica também? Espero que tenham gostado do post de hoje! 🙂

Um abraço
Érika

Acompanhe também nas redes sociais:
Facebook  Instagram  Twitter  Flickr  G+

Filmes para assistir no Netflix: Waiting for Forever (2011)
Érika Monteiro
Post escrito por Érika Monteiro

Estudante de Administração, fotógrafa nas horas vagas. Tem como hobby assistir séries, filmes, ir ao cinema e ouvir música sertaneja. Tem um amor incondicional por flores.
postando em 20 de julho de 2016

Já pensou porque algumas pessoas entram na sua vida? Ou então qual o propósito? Algumas delas ficam mais ou menos tempo e de repente se distanciam, perdemos de vista, e ai surgem outras pessoas, é um ciclo.

Nós também fazemos diferença na vida das pessoas, muitas vezes até sem saber. Pode ser com um conselho, um sorriso, nossa amizade, o importante é que deixamos uma sementinha por onde passamos.

As vezes nos sentimos perdidos, desorientados, e então elas aparecem, transformam nossos dias, nossas vidas, nos fazem ver as coisas de uma maneira diferente, e já não somos nós mesmos e sim uma versão melhorada.

Idade é algo que não importa muito nesses momentos afinal podemos conhecer um mundo completamente novo ao lado de qualquer pessoa, concordam? É possível aprender com alguém que tenha 10 ou 65 anos, o que vale é estarmos abertos para essas experiências.

Esse é o ambiente em que se passa a história de Copenhagen, filme que conta a história de William que chega a Europa com o objetivo de entregar uma carta do pai que já faleceu para seu avô, no entanto ele não conhece a cidade, para dificultar não sabe falar o idioma local (dinamarquês) e depois seu melhor amigo o abandona para se casar com a namorada em outra cidade. William terá que desbravar a cidade sozinho, é ai que numa lanchonete ele conhece Effy, uma garota de apenas 14 anos, porém bem mais madura que William.

copenhagen

Os dois então iniciam a busca pelo avô de William, vão à igrejas, cartórios, visitam a antiga casa onde ele morava, a busca se torna ainda mais emocionante pois conhecem a cidade em cima de uma bicicleta e uma câmera fotográfica na mão. Tem jeito melhor de conhecer a Europa? Pedalar pelas ruas com ladrilhos e ainda poder fotografar todos os lugares, um verdadeiro sonho.

Preciso dizer que a fotografia do filme é linda, além dos vários locais que são mostrados no decorrer das cenas. Eles vão à uma mostra de arte, a um lago, à praia, até uma baladinha. A trilha do filme é incrível, em vários momentos aparecem músicas dinamarquesas, fiquei encantada pois nunca tinha ouvido.

copenhagen3

O filme nos ensina sobre amizade, companheirismo, perdão, compreender as pessoas, ter foco, lutar pelo que queremos, e o mais importante, há momentos nas nossas vidas em que é preciso mudar, amadurecer e olhar para o futuro de uma maneira diferente. Confesso que esperava um final clichê, no entanto fui surpreendida pois aconteceu algo bem diferente do que eu pensava. Na minha opinião esses são os melhores filmes, pois nos pegam de surpresa.

Assista o trailer 

Destaque

“Viver é isso: Ficar se equilibrando o tempo todo, entre escolhas e consequências.”

É isso pessoal, pra quem quiser assistir, ele está disponível lá no Netflix. Espero que tenham gostado da dica de hoje. Aqui você confere a trilha sonora, muito linda  Já conheciam esse filme? Gostaram? 🙂

Vocês acreditam que podemos fazer diferença na vida das pessoas? Deixe seu comentário!

Beijos,
Érika

Me acompanhe também nas outras redes sociais:
Facebook ♥ Instagram ♥ Twitter ♥ Flickr ♥ G+

Filmes para assistir no Netflix: Copenhagen (2014)
Érika Monteiro
Post escrito por Érika Monteiro

Estudante de Administração, fotógrafa nas horas vagas. Tem como hobby assistir séries, filmes, ir ao cinema e ouvir música sertaneja. Tem um amor incondicional por flores.
postando em 21 de junho de 2016

Oi gente, tudo bem com vocês?

Não é de hoje que o Netflix faz tanto sucesso entre os amantes de filmes e séries, cada vez mais ele vem ganhando espaço em nossas casas. Depois que criaram a SmartTV ficou ainda mais fácil acompanhar nossas séries favoritas também pela TV. Muitas pessoas abrem mão da TV por assinatura e ficam somente com o Netflix.

Faz uns três meses que assinei e confesso que foi uma das melhores coisas, tem tanta coisa legal para assistir, que é impossível sobrar tempo para fazer outras coisas haha Semana passada tive uma experiência incrível com a equipe do Netflix, então pensei, nada mais justo que vir compartilhar com vocês, afinal temos que dividir o que é bom concordam? No post de hoje vocês vão conferir 5 motivos para conhecer e assinar o Netflix, e com certeza vocês também vão se animar para assinar também.

Séries

Já comentei diversas vezes aqui no blog o quanto sou viciada em séries, desde as mais antigas como Barrados no baile, Smallville, The O.C, até as mais novas como Orphan Black, The Blacklist, Major crimes, entre outras. O Netflix tem uma variedade enorme de séries, para todos os gostos, e o melhor, você consegue acompanhar temporadas inteiras fazendo uma pequena maratona.

5 motivos para conhecer e assinar o Netflix

Filmes

Quem gosta de séries muito provável que também goste de filmes, não é mesmo? O Netflix conta com um acervo enorme, desde romance, policial, drama, filme para toda a família. Uma das características que mais gosto, é que você encontra filmes em vários idiomas, sendo possível treinar seu espanhol, francês ou mesmo o inglês. Essa diversidade de cultura faz com que tenhamos ainda mais vontade de assinar.

5 motivos para conhecer e assinar o Netflix

Preço

Muitas pessoas não gostam de comentar sobre o preço que pagam por algum serviço, roupa ou qualquer outra coisa, mas no caso do Netflix é impossível não compartilhar, afinal é um precinho bem camarada concordam? Aqui no meu estado por exemplo o ingresso do cinema custa em média R$ 22,00 (sem ser feriado, senão é R$ 26,00). A assinatura do Netflix varia de R$ 19,90 a R$ 29,90, o que é quase o valor de 1 ingresso do cinema, e quanto você consegue assistir por esse valor? É muito mais que um filme. Se você fosse ao cinema todos os dias no final teria gasto quase R$ 700,00 haha muita diferença concordam?

5 motivos para conhecer e assinar o Netflix

Conteúdo diversificado

Se você gosta de assistir mais do que filmes e séries, não precisa se preocupar. O Netflix tem opções como desenhos animados, novelas mexicanas (adoro <3) algumas até em espanhol, documentários, musicais, stand-up e muito mais. Basta entrar na opção Navegar que você vai conferir tudinho. Ah, já ia me esquecendo, o Netflix também produz suas próprias séries, como Orange is the new black.

5 motivos para conhecer e assinar o Netflix

Atendimento

Por último e o mais importante é o atendimento, afinal, não adianta oferecer tantos serviços se quando precisamos não somos bem atendidos concordam? Toda transação que você realiza na sua conta, logo chega e-mail na sua caixa de entrada, seja alteração de telefone, forma de pagamento, ou plano de assinatura. Quando seu pagamento é aprovado você também fica sabendo e seu acesso é liberado bem rápido. Na semana passada por exemplo eu alterei minha forma de pagamento e ainda não tinha confirmado, entrei em contato com eles pelo chat e em menos de 10 minutos já tinha sido resolvido e pude assistir normalmente. Fiquei impressionada com a cortesia e rapidez da equipe Netflix, estão de parabéns!
5 motivos para conhecer e assinar o Netflix

Então é isso gente, assim está sendo minha experiência com o Netflix. Nos últimos dias assisti os filmes A incrível história de Adaline, Sem retorno, Olhos da justiça, e as séries Criminal minds, Orphan Black, Under the dome, Blacklist, Suits, Friends e voltei a assistir The Fall (que passava no canal Globosat).

Vocês já assinaram? Tiveram alguma experiência com o Netflix? Se nunca fez cadastro, aproveite, você consegue assistir um mês completamente grátis. Somente quando vencer esse 1 mês, e se quiser continuar com a assinatura é que você paga, podendo escolher entre cartão de crédito, paypal ou mais fácil ainda débito em conta. Espero que tenham gostado da experiência que compartilhei!

Quem tem assinatura, o que gostam de assistir? Não deixem de comentar 😉

Beijos,
Érika

5 motivos para conhecer e assinar o Netflix

Me acompanhe também nas outras redes sociais:
Facebook ♥ Instagram ♥ Twitter ♥ Flickr ♥ G+

Érika Monteiro
Post escrito por Érika Monteiro

Estudante de Administração, fotógrafa nas horas vagas. Tem como hobby assistir séries, filmes, ir ao cinema e ouvir música sertaneja. Tem um amor incondicional por flores.
postando em 20 de junho de 2016
Oi pessoal, tudo bem?
.
Este final de semana eu e meu namorados decidimos assistir alguns filmes, devido as provas da faculdade fazia um tempinho que não via nenhum inteiro rs então decidimos alugar e assistir em casa mesmo rs
. 
Ele queria muito assistir Jobs, mas como já saiu de cartaz aqui na cidade, decidimos ver “Os Estagiários“, filme que fala sobre o Google.
.
Para assistir: Os Estagiários
Confesso que no início pensei que fosse mais uma comédia, devido ter como ator principal o Owen Wilson, e como vocês sabem, o forte dele é ser engraçado.
.
O filme conta a história de dois vendedores (Owen Wilson e Vince Vaughn) que são mandados embora da empresa onde trabalham ha muitos anos, no início eles não sabem que rumo tomar, até que um deles tem a ideia de se inscreverem para um estágio de verão no Google.
.
Eles fazem a entrevista (que por sinal é hilária) e precisam responder a seguinte questão “O que você faria se fosse uma moeda e tivesse dentro do liquidificador?” haha Enfim, eles conseguem o estágio, mas quando pensam que estão no céu, aí “começa” o filme.
.
Os dois passam por várias situações em que tem que provar que são capazes e merecedores da vaga. Uma comédia que traz a tona muitos valores que às vezes nos esquecemos: como trabalho em equipe, respeito, paciência, confiança, amizade, garra, esperança e o mais importante e que me tocou bastante “nunca é tarde para lutarmos pelos nossos sonhos”.
.
Às vezes estamos fazendo algo do qual não gostamos, não precisa ser assim, basta parar e mudar de caminho e assim sermos felizes. Este filme foi realmente incrível, pena que não consigo descrever em simples palavras tudo o que senti ao assistir, só posso dizer que vale a pena!
.
.
 5 Motivos para assistir. 
– A brilhante atuação de Owen Wilson e Vince Vaughn
– Se você é nerd, vai adorar, pois faz referência a X-man, Game of Thrones e Harry Potter (com direito a torneio de quadribol haha)
– Para quem curte os anos 80, eles trazem “Flash Dance“, muita emoção e lições do filme (tenho ele <3)
– É um filme capaz de trazer brilho aos olhos e motivação à vida
– Muitas lições de amizade durante todo o filme
.
Alguém aí já assistiu? O que achou?
.
Beijos,
Érika
Para assistir: Os EstagiáriosPara assistir: Os Estagiários
 Me acompanhe também nas outras redes sociais:
Facebook ♥ Instagram ♥ Twitter ♥ Flickr ♥ G+
Érika Monteiro
Post escrito por Érika Monteiro

Estudante de Administração, fotógrafa nas horas vagas. Tem como hobby assistir séries, filmes, ir ao cinema e ouvir música sertaneja. Tem um amor incondicional por flores.
postando em 30 de maio de 2016

Oi pessoal, tudo bem com vocês? Esse semestre está muito corrido na faculdade, comecei fazer meu TCC, e aí já viu, o tempo não diminui, simplesmente evapora haha Mesmo assim estou conseguindo atualizar o blog sempre que posso 😉

Na semana passada vi o trailer do filme The Girl in the Book (A Garota do livro), e me chamou bastante a atenção, mesmo com tantas coisas pra fazer, arrumei um tempinho e assisti. Eu poderia fazer uma resenha normal como as outras, no entanto, gostaria de inovar e mostrar o que senti ao terminar de ver o filme. Ele em si traz muitas lições, as quais tentarei mostrar neste post. Espero que gostem.

Resenha crítica: Filme The Girl in the Book (2016)

SINOPSE

Alice Harvey (Emily VanCamp), de 28 anos, é uma assistente de uma editora de livros, e sonha em ser escritora. Filha de um poderoso agente literário de Nova York, ela vai ser obrigada e enfrentar dolorosos acontecimentos de seu passado, ao ser convidada para trabalhar no lançamento de um livro de Milan Daneker (Michael Nyqvist), um antigo cliente de seu pai. A jovem precisará ter forças para enfrentar antigos demônios de sua mente, e quebrar seu bloqueio criativo que a impede de realizar seus desejos.

Resenha crítica: Filme The Girl in the Book (2016)

É fato que em nossas vidas ocorrem algumas situações que nos marcam de uma certa maneira, e isso acaba por criar feridas internas, além de nos assombrar ao longo dos anos. Por mais que os anos passem, esses fantasmas seguem nos atormentando, uns mais, outros menos, mas sempre ali, nos lembrando de tudo o que aconteceu.

Alguns de nós usamos máscaras e passamos pela vida sem que saibamos o que realmente acontece sob a superfície, outros no entanto, se fecham em seus mundos, e criam uma espécie de redoma, onde muitas vezes não permitimos a entrada de ninguém estranho.

Todos que se aproximam são considerados uma ameaça, nos fechamos em nosso interior e pensamos que quanto menos as pessoas souberem sobre nós será melhor, para que não possam nos machucar novamente. Criamos uma espécie de realidade paralela, onde julgamos o que ocorre ao nosso redor, porém decidimos nos manter à margem.

Resenha crítica: Filme The Girl in the Book (2016)

Buscamos passar pela vida de maneira invisível, nos esforçamos para que não sejamos notados, para que as pessoas não se aproximem e possam ultrapassar esse muro. Usamos esse muro como proteção, o qual nos permite viver com certa segurança (é isso que pensamos).

Algumas pessoas as vezes se aproximam de nós, mas nossos medos são tão grandes, nossas feridas doem tanto, que não lhes damos a mínima oportunidade de nos conhecerem como realmente somos.

É preciso um esforço sobrehumano para se aproximar dessas pessoas e derrubar barreiras tão bem alicerçadas, no entanto, quando conseguimos encontrar alguém que tenha coragem de ir mais além que qualquer outra pessoa antes, nos sentimos agradecidos, pois percebemos que alguém nos ama, nos admira, e apesar das máscaras quis nos conhecer profundamente.

Por pessoas que tenham essa coragem, é que nos abrimos (mesmo com dificuldade), e as trazemos ao nosso mundo, para que saibam como é viver sob nosso ponto de vista. É por umas poucas pessoas que nos atrevemos a mudar, a evoluir, e crescer como ser humano.

Talvez você encontre alguém corajoso que vá além e te conquiste, ou passe pela vida inteira em sua redoma, temendo o que pode lhe causar mais feridas e se mantendo mais invisível a cada dia, no entanto, o destino pertence somente a você. Qual será sua escolha?

Assista o trailer

Se você ainda não assistiu, vale muito a pena. Se gostava de assistir a série Revenge, este filme conta com a participação da atriz Emily VanCamp. O filme entrou em cartaz semana passada no GNC Cinemas em Balneário Camboriú, se está passeando por aqui, vale a pena ir até lá.

Quem aí já assistiu, gostou? Recomenda? Deixe seu comentário!

Beijos,
Érika

Me acompanhe também nas outras redes sociais:
Facebook ♥ Instagram ♥ Twitter ♥ Flickr ♥ G+

Érika Monteiro
Post escrito por Érika Monteiro

Estudante de Administração, fotógrafa nas horas vagas. Tem como hobby assistir séries, filmes, ir ao cinema e ouvir música sertaneja. Tem um amor incondicional por flores.
postando em 14 de março de 2016

Os anos 80 deixaram sua marca na vida de muitas pessoas e sob vários aspectos, seja na música, no cinema, na literatura, realmente foi uma década de grandes nomes, tais como Debbie Gibson com sua linda canção Lost in your eyes ou Michael J. Fox com o filme De volta para o futuro.

Já comentei diversas vezes aqui no blog sobre o meu fascínio por filmes, independente da época em que foi feito, do gênero ou dos atores, o que importa mesmo é contar uma boa história e nos conquistar com uma trilha sonora especial.

Os filmes dos anos 80 chamam a atenção justamente por unirem esses elementos, é o exemplo do filme Os goonies, que traz Cindy Lauper na sua trilha sonora. Outro motivo pelo qual os filmes se tornaram marcantes é a quantidade de vezes que foram exibidos na Sessão da Tarde pela Rede Globo, quem não se lembra das incontáveis vezes que passou A lagoa azul?

filmes

Pois é, por tudo isso comecei a montar uma coleção pessoal de DVDs a qual inclui diversos títulos, entre eles muitos sucessos dos anos 80. Separei 5 deles para compartilhar com vocês e convidá-los a assistir caso ainda não tenham visto, confira:

Flashdance (1983)

O filme conta a história de uma operária que não teve oportunidade de estudar dança. Então quando é adulta ela trabalha durante o dia e a noite dança em casas de show. A trilha sonora é simplesmente incrível, com destaque para Irene Cara com What a feeling.

Ouça aqui 

5 filmes clássicos dos anos 80 para você assistir

Dirty Dancing (1987)

Ele conta a história de Baby, uma adolescente que vai passar férias num resort e lá vive várias aventuras e conhece o lindo, perfeito e rebelde Johnny (Patrick Swayze). A mensagem bonita do filme é que sempre podemos fazer o bem pelas pessoas, mesmo sem conhecê-las direito. A melhor música? Com certeza Bill Medley e Jennifer Warns com I’ve had the time of my life.

Ouça aqui 

5 filmes clássicos dos anos 80 para você assistir

Os goonies (1985)

Os Goonies conta a história de um grupo de amigos os quais os pais estão prestes a perder suas casas, isso fará com que cada família se mude para um lugar diferente. Pensando que nunca mais estarão juntos novamente, eles iniciam uma aventura em busca do tesouro do pirata Willy Caolho. Os efeitos especiais, a amizade, e a trilha são perfeitos, ainda mais com Cindy Lauper cantando Good enough.

Ouça aqui 

5 filmes clássicos dos anos 80 para você assistir

A história sem fim (1984)

O que fazer quando encontramos um livro que pode nos levar a uma outra realidade? E melhor ainda, nos faz viver aventuras que nunca imaginamos? É isso que o livro A história sem fim faz com Bastian, leva ele para um outro mundo, cheio de seres nunca imaginados. Ele voa, fica com medo, faz novas amizades, é um filme simplesmente incrível. Esse filme também tem música, e a mais especial é Never ending story com Limahl.

Ouça aqui 

5 filmes clássicos dos anos 80 para você assistir

Ghost (1990)

Quem nunca sonhou com um amor que pode ultrapassar a vida? É justamente essa mensagem que traz o filme Ghost. Que podemos conhecer o primeiro amor e ele durar até a eternidade. É impossível não se emocionar com o amor de Sam e Molly. Destaque para a música Unchained melody de Righteous Brothers.

Ouça aqui 

5 filmes clássicos dos anos 80 para você assistir

O que acharam dessa volta no tempo? Vocês já conheciam algum desses filmes? Qual é o seu preferido?

Qual filme dos anos 80 você quer ver aqui no blog? Conta pra gente, que em breve faço resenha.

Beijos 
Érika

Me acompanhe também nas outras redes sociais:
Facebook ♥ Instagram ♥ Twitter ♥ Flickr ♥ G+

5 filmes clássicos dos anos 80 para você assistir
Érika Monteiro
Post escrito por Érika Monteiro

Estudante de Administração, fotógrafa nas horas vagas. Tem como hobby assistir séries, filmes, ir ao cinema e ouvir música sertaneja. Tem um amor incondicional por flores.
postando em 2 de fevereiro de 2016

Além de dedicar meu tempo e ficar por dentro das séries que estão no ar, ainda separo um tempo para assistir filmes e aproveitar os lançamentos que estão em cartaz no cinema. Faz pouco tempo que li essa tag lá no blog lindo da Suzi (link aqui). O cinema faz parte da minha vida desde que era pequena, acompanhando atores como Johnny Depp, Leonardo Dicaprio, Ashton Kutcher, Demi Moore, Mark Ruffalo, e muitos outros. Por isso não pensei duas vezes e decidi respondê-la aqui no blog. Quem não ama passar o feriado assistindo filmes ou vendo séries? Ah, na companhia de uma deliciosa xícara de chocolate quente, o que podemos querer mais? 🙂

RESPONDENDO A TAG: VICIADA EM FILMES

1. Qual foi o último filme que você assistiu?

Gigantes de aço. O último filme que assisti foi Gigantes de aço junto com meu namorado. Ele conta a história de Charlie, um homem que participa de diversos campeonatos de luta junto com seu robô. Logo no início do filme ele descobre que a ex-esposa faleceu e poderá ter a guarda de seu filho. No entanto sua cunhada quer ficar com o menino que tem 10 anos. Porém o menino fica com Charlie durante um tempo. E aí começa mesmo o filme, onde vamos acompanhar Charlie sendo conquistado por seu filho e a amizade que nasce entre os dois. A história é muito bonita e vale a pena.

2. Um filme que quer muito ver?

Brooklyn. Este filme está sendo indicado ao Oscar 2016. Ele conta a história de uma imigrante irlandesa que vai morar em Nova York, mostra sua luta por emprego, um lugar na sociedade e quando encontra um amor. Quando tudo parece estar caminhando bem, ela precisa voltar à Irlanda para resolver problemas de família, e aí ela fica dividida entre ficar em sua cidade natal ou retornar à Nova York.

3. Um filme para chorar?

Desventuras em série. Quem nunca ficou triste com o que acontecia aos irmãos Baudelaire? Apesar de Jim Carrey ser conhecido por seus filmes de comédia, sua atuação neste é de longe uma das melhores. Ainda assim em alguns momentos sentimos raiva dele por tentar prejudicar tanto as crianças. A amizade entre eles três é muito linda, a união deles ao longo do filme nos toca e com certeza nos faz chorar em alguns momentos. Se você ainda não assistiu, reserve um horário neste feriado 😉

RESPONDENDO A TAG: VICIADA EM FILMES

4. Um filme para rir?

As Branquelas. Impossível não rir com irmãos Wayans. Lembram do Michael Kyle da série Eu, a patroa e as crianças? Pois é, os três são irmãos. Então o que podíamos esperar deste filme além de muitas risadas? Os momentos mais engraçados são aqueles em que estão disfarçados e vão ao shopping e lá têm que experimentar um monte de roupas haha Como não rir quando o botão estoura e quebra o espelho? Hilário e uma ótima opção para dividir boas risadas com a família.

5. Um suspense?

Garota Exemplar. Já gostava do Ben Affleck desde que ele atuou nos filmes O pagamento e Forças do destino (com a Sandra Bulock). Ele é um ator que nos faz rir, chorar, e torcer sempre pelo mocinho. Garota exemplar é um filme que chama a atenção desde o início pela sua atmosfera que causa calafrios. Até quase o final do filme você não consegue responder se ele é ou não culpado pelo desaparecimento da esposa. Em alguns momentos você pensa que ele é psicopata pelo jeito dele sombrio, mas em outros ele parece tranquilo e voltamos a acreditar que ele é bonzinho. Também é um filme que vale assistir.

6. Um filme para ver com a família?

Tarzan. É infantil, é da Disney, e é um dos meus favoritos desde sempre. Quantas vezes assisti? Mais de 10 haha É uma animação para toda a família, além da trilha sonora ser cantada por ninguém menos que Phill Collins 

RESPONDENDO A TAG: VICIADA EM FILMES

7. Um romance?

Um amor para recordar. É impossível não se apaixonar pela história do Carter e da Jamie. Além da trilha sonora ser muito romântica. Minha duas partes preferidas: quando ela está em dois lugares ao mesmo tempo e quando ela faz uma tatoo de borboleta  muito amor né gente!

8. Um filme lindo?

Te amarei para sempre. Faz pouco tempo que conheci esse filme e já o vi quatro vezes. Ele conta a história de um homem que viaja no tempo desde criança. Porém quando ele é adulto, em uma de suas viagens ele conhece a menina que será sua esposa e a partir daí ele sempre tenta visitá-la no jardim da casa dela. A história é incrivelmente linda, até meu namorado que não curte muito esse tipo de filme gostou e achou interessante.

9. Um filme para morrer de medo?

Seven. Esse foi um dos primeiros filmes que assisti com Brad Pitt. O filme conta a história de dois policiais que tentam encontrar um serial killer, porém não é um assassino normal, ele mata conforme os sete pecados capitais. As cenas são chocantes, e a maioria delas são passadas durante a noite, o que deixa o filme mais assustador. Além de Brad Pitt, o elenco ainda conta com Morgan Freeman, Kevin Spacey e Gwyneth Paltrow. Ele é bem antigo e é um dos que fazem parte da minha coleção de DVDs.

RESPONDENDO A TAG: VICIADA EM FILMES

10. Um filme de ação?

Velozes e furiosos. Esse filme dispensa qualquer comentário. Todas as pessoas ao redor do mundo com certeza já devem ter assistido pelo menos um filme da franquia. Para alguns os carros chamam a atenção, para outros o elenco, e para mim as várias cidades nas quais eles já gravaram o filme. Tóqui, Rio de Janeiro, Europa, Novo México, é uma viagem sem sair do sofá rs

11. Um filme que não vale a pena?

Se beber não case. Sério, muitas pessoas podem até achar ruim minha indicação e não concordar, paciência, cada pessoa tem sua própria opinião, não é mesmo? Assisti os dois e confesso que até hoje não encontrei a graça dele haha Com certeza não veria novamente.

12. Um filme para o feriado?

Joy. Tem dois motivos para gostar desse filme, o primeiro é pela atuação da Jennifer Lawrence, mesma atriz de Jogos Vorazes. O segundo é pela história, ele mostra a história de Joy (Jennifer Lawrence) uma mãe de família que no momento em que fica desempregada tem uma brilhante ideia e cria um esfregão mágico, o qual se torna um grande sucesso. O filme ainda conta com grandes nomes como Bradley Cooper (Sniper americano) e Robert de Niro (Senhor Estagiário).

RESPONDENDO A TAG: VICIADA EM FILMES

13. Um desenho animado?

Procurando Nemo. Outro filme muito fofo. Quem não fica triste quando ele não consegue voltar pra casa? E o peixinho que perde a memória? Uma graça.

14. Um filme que todo mundo tem que ver?

Três vezes amor. Esse filme é simplesmente um dos mais lindos que já vi e falta pouco para eu tê-lo assistido tanto quanto Titanic. Gosto tanto dele que comprei o DVD com cenas extras, curiosidades e entrevista com os atores. A atuação da Abigail Breslin está incrível neste filme, lembram dela em Miss sunshine? Muito talento desde sempre.

15. Um filme que você assistiu 3 ou mais vezes?

Titanic. Vocês não vão acreditar quando eu contar, mas assisti este filme umas 15 vezes, sim você não leu errado, 15 vezes. Pela curiosidade em ver um navio tão grande, pela atuação do Leo Dicaprio e o que sempre me conquista nos filmes: a trilha sonora. Sabem aquela hora em que a Rose está na água quase congelando e vem o resgate e ela descobre que o Jack morreu de frio? Eu choro rios, muito triste essa cena.

RESPONDENDO A TAG: VICIADA EM FILMES

16. Um filme para meninas?

16 desejos. Apesar de já ser adulta meu amor pela Disney ainda permanece. Das séries que assistia antes a única que ainda é transmitida pelo canal é Os feiticeiros de Waverly Place com a linda Selena Gomez ♥ 16 desejos conta a história de Abi uma adolescente que sempre desejou ser adulta, pois poderia ser independente e ter privacidade. Então, no dia do seu aniversário ela ganha de presente uma caixinha com 16 velas, e em cada vela poderá realizar um pedido. E o filme mostra sua aventura na realização desses desejos, será que é melhor ser adulta e com responsabilidades?

♥ ♥ ♥

Essa tag é um pouco extensa, mas incrível de ser respondida. Quem gosta de filmes não sentirá dificuldade em respondê-la concordam?

E vocês, já conheciam essa tag? Querem responder? Quais filmes mais gostam? Já escolheram os filmes para este carnaval? Não deixem de comentar 🙂

Beijos 
Érika

Me acompanhe também nas outras redes sociais:
Facebook ♥ Instagram ♥ Twitter ♥ Flickr ♥ G+

RESPONDENDO A TAG: VICIADA EM FILMES
Érika Monteiro
Post escrito por Érika Monteiro

Estudante de Administração, fotógrafa nas horas vagas. Tem como hobby assistir séries, filmes, ir ao cinema e ouvir música sertaneja. Tem um amor incondicional por flores.